Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil

0
87

No dia 15 de agosto os paraenses têm em seu calendário a Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil e essa é uma data comemorativa que traz excelentes lembranças ao povo paraense, que viu nesse evento a sua completa adesão ao plano político da República Federativa do Brasil, ainda que com ressalvas em relação a uma série de coisas que serão expostas nesse artigo.

Antes mantendo forte ligação com a Coroa Portuguesa, o Pará não aderiu à Independência do Brasil, quando esta se concretizou em 07 de setembro de 1822. Houveram diversos eventos que conduziram a esse processo e nós iremos apresentar para você os fundamentos que levaram a isso.



Vem com a gente e descubra por que essa data comemorativa é de suma importância para o povo paraense e para todo o Brasil!

Quantos dias faltam para o dia da Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil 2020?
hoje é .
O dia da Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil é comemorado dia 15 de agosto.
Faltam 37 dias para o dia da Adesão do Estado do Pará em 2020
Dia da Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil
Agosto
Do Se Te Qu Qu Se
26 27 28 29 30 31 01
02 03 04 05 06 07 08
09 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31 01 02 03 04 05
09: Dia dos Pais
15: Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil

A divisão do Brasil em duas Províncias

Para compreendermos plenamente as razões do Estado do Pará para não aderir de imediato à Independência do Brasil, precisamos nos reportar aos estudos de história e relembrar que nesse período o país estava dividido entre as províncias do Brasil e do Grão-Pará e Maranhão. Os movimentos de luta pela independência surgiram na Província do Brasil, ficando a Província do Grão-Pará e Maranhão praticamente alheias a esse processo. Isso se deve especialmente ao fato de que a Província do Grão-Pará e Maranhão mantinham suas relações diretamente com a Coroa Portuguesa, em pouco ou nada debatendo com o Governo Brasileiro quaisquer de suas necessidades.



Foi por esse motivo que a Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil se deu bastante tempo depois, quase um ano após o grito da independência dado por Dom Pedro I às margens do Rio Ipiranga.

As investidas do Governo Brasileiro contra os Estados que não aderiram à Independência

Não foi somente o Estado do Pará que resistiu ao processo de independência do Brasil. Diversos outros estados foram resistentes à ideia e precisaram ser “convencidos” de que a melhor alternativa era se unir definitivamente ao Brasil, abandonando a Coroa Portuguesa.

Isso era algo tão latente que Dom Pedro I, então Imperador do Brasil, ordenou aos militares que fossem aos estados rebeldes exigir que aderissem à independência e se submetessem ao seu domínio. Assim foi feito e um a um os estados foram se curvando ao Imperador do Brasil.

A ideia a princípio não era chegar até o extremo norte do país, onde estava o Estado do Pará, mas em 11 de agosto de 1823 as esquadras militares chegaram ao Pará para apresentar as exigências do Imperador. Eles portavam uma carta onde diziam que o Imperador ameaçava invadir o território, bloquear o acesso ao porto da capital e sufocar a economia do Estado, já que esta se baseava especificamente em exportações.

Não era o desejo dos governantes do Pará, que preferiam manter suas relações com Portugal, continuando apartados do Brasil administrativa e politicamente. Mas o receio de que o Imperador cumprisse as ameaças e invadisse o território paraense, fazendo sucumbir a sua economia, fez com que os líderes da sociedade optassem pela adesão à independência. Foi por esse motivo que o dia 15 de agosto ficou marcado na história como o dia da Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil.

Diferentes pontos de vista

Em muitas oportunidades, especialmente quando da passagem das comemorações do dia da Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil, muitas opiniões são apresentadas sobre o fato, sendo muitas delas contraditórias. Algumas pessoas julgam que tenha sido ruim para o Estado essa adesão. Para outros, foi algo positivo. Mas o fato foi que isso aconteceu e a vida das pessoas continuou a mesma, desde o dia em que se deu o evento.

Aos nossos compatriotas do Estado do Pará, que nesse dia comemoram o Dia da Adesão do Estado do Pará à Independência do Brasil, o nosso carinho e o reconhecimento de que para o país foi extremamente positivo o evento, que enriqueceu bastante o país e o tornou economicamente mais forte e competitivo.





DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui