Dia de Cabralzinho

0
143

Você já ouviu falar do Dia de Cabralzinho? Tem ideia do que representa essa data comemorativa e por que ela passou a ser comemorada? Sabe onde essa comemoração é feita e o que leva o povo a fazê-la com tanta veemência?

O Dia de Cabralzinho é uma data comemorativa celebrada pelo povo amapaense anualmente no dia 15 de maio e possui tamanha significação que foi içado à qualidade de feriado estadual recentemente, em julho do ano de 2017, para ser mais preciso. Trata-se portanto de um dia de máxima importância para a população do Estado do Amapá.



Se você não tem informações sobre o tema e quer saber do que se trata, nós estamos aqui para ajudá-lo a resolver as suas dúvidas inquietantes. Descubra tudo o que é mais relevante a respeito desse assunto!

Quantos dias faltam para o dia de Cabralzinho?
hoje é .
O dia de Cabralzinho é comemorado dia 15 de maio.
Faltam -91 dias para o dia de Cabralzinho 2020
Dia de Cabralzinho
Maio
Do Se Te Qu Qu Se
26 27 28 29 30 01 02
03 04 05 06 07 08 09
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 01 02 03 04 05 06
15: Dia de Cabralzinho
Legenda Feriados Nacionais  Feriados Nacionais

Personagem que se comemora no Dia de Cabralzinho

O que muita gente não sabe (inclusive muita gente do povo amapaense) é que essa data comemorativa celebra a memória de Francisco Xavier da Veiga Cabral, mais conhecido como Cabralzinho.



Sua importância para a população amapaense é nítida e certa: trata-se de um verdadeiro herói, reconhecido por sua coragem e bravura ao lutar contra a invasão de tropas francesas às terras amapaenses.

Na oportunidade o que a França queria era o controle sobre a região para explorá-la economicamente. Mas a população não era simpatizante dessa ideia e se levantou contra, tendo Cabralzinho como um de seus mais enfáticos defensores. Ou seja, sua ação foi determinante para que o Amapá não fosse tomado pelos franceses e mantivesse a sua autonomia como Unidade da Federação.

Sobre a Invasão Francesa e a batalha

Quando tentaram invadir o Amapá os franceses vieram pela Guiana Francesa e foram surpreendidos pelos guerrilheiros na fronteira entre os países, onde ocorreu a batalha. Não há provas históricas de que Cabralzinho tenha participado da guerra, mas relatos dão conta de que sim.

E o Dia de Cabralzinho também tem influência desse processo, já que o que as pessoas desejavam era atingir esse fim, qual fosse, o de não permitir que a França se apoderasse de seu território.

Críticas ao processo de homenagens a Cabralzinho

Muitas pessoas já chegaram à conclusão de que Cabralzinho não deveria ser o único a ser lembrado quando da memória de resistência do povo às investidas francesas é lembrada.

Afinal, ele não lutou sozinho e nem sofreu sozinho. Toda uma gama de pessoas foi mobilizada para batalhar e juntas elas obtiveram sucesso. Mas é fato que em todas as histórias sempre há os heróis e os coadjuvantes, pessoas que embora tenham contribuído sempre são colocadas à sombra de outras.

Cabralzinho surgiu como o “protagonista” enquanto os demais permaneceram como coadjuvantes.

A polêmica do “Salvador da Pátria”

Fato interessante e intrigante é que há muitas teorias que apontam Cabralzinho como um aproveitador, que na verdade se usou da situação para conseguir fama e apoio popular.

Era algo bastante salutar para ele, já que se tratava de uma pessoa envolvida com política e que buscava o reconhecimento da população. Na verdade, ele era um líder político e incitador das pessoas que não estavam satisfeitas com a conjuntura que se mostrava na época.

Esse foi o motivo pelo qual o seu nome se tornou cada vez mais conhecido e o Estado se propôs a criar o feriado estadual do Dia de Cabralzinho, tendo sido bem sucedido na votação feita em sua Casa Legislativa.

Nesse Dia de Cabralzinho desejamos à população amapaense os sinceros parabéns pela vitória que foi obtida na luta contra a invasão francesa em seu território. E desejamos ainda um excelente feriado, de forma que o dia esteja completamente disponível para as celebrações cívicas dessa data comemorativa.





DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui