Independência do Brasil

Fato relembrado todos os anos como um grande feito para o povo brasileiro, a Independência do Brasil assumiu ares tão grandiosos que ganhou uma data para ser comemorada com pompas anualmente. Essa data é o dia 07 de Setembro e trata-se de um feriado nacional.

Nessa data comemorativa felizmente temos como plano de fundo a vitória de um povo que não queria mais viver como escravo, mas sonhava com a sua liberdade.

Quantos dias faltam para o dia da Independência do Brasil de 2020?
hoje é .
O dia da Independência do Brasil é comemorado dia 07 de setembro.
Faltam 328 dias para o dia da Independência do Brasil 2020
07 de Setembro dia da Independência do Brasil
Setembro 2020
DoSeTeQuQuSe
30310102030405
06070809101112
13141516171819
20212223242526
27282930010203
07: Independência do Brasil
22: Início da primavera
Legenda Feriados Nacionais  Feriados Nacionais

Os bastidores da história da Independência do Brasil

É impossível falar sobre o processo de independência sem contextualizar o que verdadeiramente vinha acontecendo na Colônia nessa época.

Como um território pertencente a Portugal, o Brasil era considerado uma mina de ouro, de onde emanavam importantes renda e para o país, embora tivesse pouco ou nenhum valor para a Coroa.

É inegável que já haviam sido descobertas diversas riquezas no Brasil, desde o seu descobrimento e até aqueles dias; tantas que a Colônia cresceu rapidamente e apresentou desenvolvimento em diversas áreas. Mas nada disso importava a Portugal. O que interessava era a extração de madeiras e metais preciosos; a mão de obra barata; o pagamento de impostos, etc.

É claro que isso não agradava à população brasileira, que se sentia explorada e desprestigiada pelas autoridades portuguesas. E sabendo que sempre teria uma batalha desigual com os portugueses que viviam no continente europeu, os habitantes da Colônia terminaram abraçando a ideia do processo de Independência do Brasil, por meio do qual esperavam maior desenvolvimento e o aumento de sua riqueza interna, bem como a melhoria da qualidade de vida da população.

A Inconfidência Mineira e os fatos que influenciaram a Independência do Brasil

Se fizermos uma análise fria da Inconfidência Mineira, que foi uma tentativa de libertação do povo mineiro da submissão a Portugal, não teremos relatos históricos que nos levem a inferir que existam relações entre este evento e a Independência do Brasil.

Mas podemos começar a ver semelhanças se analisarmos as motivações apresentadas e os objetivos que se almejava alcançar.

Além do mais, os dois processos ocorreram quase que concomitantemente, sendo a Inconfidência Mineira no final do século XVII e a Independência do Brasil no início do século XVIII.

Os ideais de cada um dos heróis dessas batalhas eram os mesmos e muitos participaram de ambas as lutas.

Portanto, embora não seja fato histórico que existam relações entre a Inconfidência e a Independência, podemos no mínimo afirmar que ambas foram muito semelhantes e objetivaram alcançar resultados parecidos, sendo que a primeira foi a nível regional e a segunda, a nível Nacional.

Dom Pedro I, o Herói da Independência do Brasil

A figura mais emblemática do processo de independência é sem dúvida o Imperador Dom Pedro I, que há muito tempo já vinha se desentendendo com a Coroa Portuguesa, há muito desobedecendo ordens relativas à organização da Colônia e as determinações para que retornasse para Portugal. Por causa disso a sua relação com a Coroa foi ficando cada vez mais desgastada, o que resultou num processo de desentendimentos diplomáticos.

Português de nascimento, Dom Pedro I chegou ao Brasil e foi indicado como Imperador, porém submisso aos ditames de Portugal. E foi exatamente ele que abraçou os ideais revolucionários e partiu para o embate com os militares portugueses.

O que se Comemora na Independência do Brasil

Relembrar a Independência do Brasil é comemorar o dia em que o povo brasileiro deu o grito de liberdade e rompeu com Portugal, passando a submeter-se unicamente ao Reino do Brasil. O povo, que estava do lado de Dom Pedro I, também queria que esse passo fosse dado e por isso as coisas convergiram para essa finalidade.

Não foi fácil, é verdade. Mas as conquistas vieram e isso tornou o povo brasileiro mais feliz, pois ali foi passada às pessoas a ideia de que enfim as coisas iriam se consertar e o Brasil, se desenvolver a passos largos.

A Escolha do Dia

O dia 07 de Setembro foi escolhido como o dia de se comemorar porque conta a história que foi em 07 de Setembro de 1822 que, às margens do Riacho Ipiranga, Dom Pedro sacou sua espada da bainha e deu o grito da liberdade: “Independência ou Morte”!

Esse conclame foi definitivo para que aqueles que estavam dispostos a lutar pela Pátria se colocassem de pé e aceitassem a batalha. Isso tornou o projeto uma realidade de toda a nação e não apenas de um grupo com interesses comuns.

Autonomia Política e Financeira Marcam o Novo Brasil

Todo esse processo de independência trouxe para o Brasil a tão sonhada autonomia política e financeira (dando o poder político e a administração financeira e orçamentária à Colônia, de forma que o governo fosse autossuficiente no cenário internacional. Estados Unidos e México foram os primeiros países a reconhecer esse novo status, seguido por vários outros países, sendo hoje reconhecida em todo o mundo a sua soberania.

De princípio as resistência até mesmo dentro da Colônia eram muitas, mas tudo se resolveu, conforme esperado pelos lutadores.

Esta data realmente é um evento para se comemorar, pois faz parte da nossa consciência cívica e amor à Pátria!

Comemore essa data com muita alegria porque se trata de um dos eventos mais importantes da nossa história!